Anticoncepcional Engorda? Depoimento de Geyse Gomes

A dúvida se o anticoncepcional engorda é comum entre a maioria da mulheres. Embora eu não queira dizer se alguém deve ou não tomar anticoncepcional hormonal, eu tenho de te alertar que o uso dele pode sim fazer com que você engorde rapidamente… Foi isto que aconteceu com a nossa aluna Geyse Gomes, de apenas 25 anos, instagram @mel_geisy, e eu quero te contar o depoimento dela. Mas não se assuste ainda, prometo que este depoimento tem um “final feliz” e vai te ensinar muita coisa sobre como superar ou atenuar os males que o uso de anticoncepcionais podem te causar.

Engordando 10kg com uso de anticoncepcional

Após tomar anticoncepcional injetável, Geyse Gomes viu que seu corpo de menina e seu peso (49 kg para 1,60 m de altura) aumentarem rapidamente. O ganho de peso foi assustador; 10 kg em 2 meses. Ela engordou mais de 20% do seu peso total. Depois disso veio a gravidez, criança pequena em casa e assim 3 anos se passaram até que Geyse decidisse retomar as rédeas da sua auto-estima. E, é justamente para evitar que você demore tanto para tomar as medidas que vão te ajudar a não passar pelo que Geyse passou, que vamos te contar a história dela!

Meu ganho de peso aconteceu quando eu comecei a tomar anticoncepcional injetável. Eu engordei muito. Ganhei 10 kg em 2 meses. Pesava 49 kg e cheguei a 60 rapidinho. Aí depois disso, eu não conseguia baixar de peso. Fiquei nos 60 kg. Aí eu engravidei da minha filha. Na gravidez, engordei mais: cheguei a 75 kg“.

Mas olha, se você perguntar agora, ela dirá que está pura alegria, pois perdeu 10 kg em 6 meses, passou do manequim 42 para o 36 e vive recebendo elogios do maridão! Mas calma, espera que vou te contar toda essa história de como ela conseguiu o que tanta gente sonha!

“Comecei a pesquisar na internet alguns vídeos para fazer exercício em casa porque estou desempregada e não tenho como pagar a academia. Comecei a fazer por conta própria e depois de um mês assinei o site. Agora estou no programa CardioMix e estou gostando muito. Perdi 10 kg exercícios em casa“.

Hora de ouvir a verdade

Encarar a realidade foi difícil para Geyse, que resolveu fazer algo a respeito de seu sobrepeso depois de ouvir críticas negativas às fotos que postava em redes sociais e cair no choro em uma conversa com a irmã.

“O momento em que eu falei chega foi assim: eu postava fotos no Facebook e o pessoal falava: nossa como você está gorda. Aí uma vez eu liguei para minha irmã, e ela disse: você está horrível, está muito gorda, tem que fazer uma dieta. Eu desliguei o telefone já chorando e pensei: tenho que mudar“.

“Tudo que eu colocava não ficava legal. Ia ao shopping comprar roupa, colocava uma, colocava outra e não gostava de nada. Eu falei: chega, pronto, tenho que emagrecer. Aí entrei na internet para procurar alguma dieta maluca, mas pensei melhor e refleti que dieta não funciona por causa do efeito sanfona“.

“Com dieta você emagrece, mas quando para, engorda tudo de novo. Aí eu falei: sabe de uma coisa, vou começar a fazer exercícios. Procurei alguns exercícios e achei o site do exercício em casa. Também comprei algumas coisas para poder fazer junto, como pesinhos e corda de pular“.

“A sinceridade em excesso machucou. Eu me senti horrível. Eu não me via gorda, me achava gostosa. Agora que vejo as fotos de antes e depois, eu vejo que estava muito gorda mesmo. Então, não era mentira delas. Elas falaram a verdade“.

Cardápio diferente em casa

Depois de ouvir tudo isso, Geyse queria mudar e provar para si mesma e para os outros que ela podia sim ter uma vida saudável, ficar em forma e superar o ganho de peso que o uso de anticoncepcional havia lhe causado. Mesmo com filha pequena em casa e estando desempregada, ela criou coragem e investiu nos exercícios e na alimentação saudável sem olhar para trás.

“Eu seguia o exercício em casa e via os resultados, o pessoal falando que os exercícios eram muito bons. O começo foi bem difícil. Tinha dia que eu não queria fazer porque estava cansada. Mas eu levantava e fazia mesmo assim. Foi um processo prazeroso, ainda mais quando eu comecei a ver resultados na balança e nas medidas. As roupas começaram a cair e eu ficava me sentindo“.

“O mais difícil para mim foi a dieta porque meu marido é bem magro, então ele gosta de comer muito. E somos só eu, ele e minha filha em casa. Eu tinha que fazer comida diferente para mim e para ele. Ele não gostava de comida saudável e brincava que a comida dele tinha que ser para engordar e não para emagrecer. Foi difícil me organizar com criança em casa, mas fui em frente, depois de 1 mês treinando em casa por minha conta, resolvi assinar e estou amando os resultados”.

depois do exercicio em casa

Salada e frango grelhado

Diminuir quantidades e descobrir novos alimentos foi fundamental para a aluna, que leva sua alimnetação sem radicalismos e não esconde que é humana e que às vezes cai em tentação. Ela continua indo a um fast food de vez em quando e comendo pizza no final de semana, só que agora está um pouco mais esperta para não cometer exageros. Além disso, passa um certo aperto nos finais de semana, quando é comum estarmos mais cara a cara com alimentos mais gordinhos…

“Hoje minha alimentação está muito melhor. Estou comendo mais legumes e verduras, frutas, que eu não comia. Substitui muitas coisas não como mais besteiras“.

“Quando eu ia ao shopping, comia o lanche mais gorduroso e com mais queijo do fast food, hoje escolho as opções menos calóricas, opto por sanduíches com bastante salada e frango grelhado”.

“Em casa minha comida é bastante saudável. Na hora de escolher as carnes, opto por patinho que é menos gorduroso. Como muita salada. Não gosto do arroz integral, só do normal, mas como pouco. No meu prato, coloco 2 colheres de arroz e 1 de feijão.”

“Final de semana é quando a gente sai da dieta. Eu como algumas besteirinhas, como pizza. Eu tento comer menos, mas é difícil. O pior obstáculo é o final de semana. Podia ser só a semana direto porque no final de semana dá preguiça de cozinhar.  A gente dá aquela saidinha e tem aquelas comidas que não são saudáveis, mas que a gente come“.

Rir de si mesma é fundamental!

No decorrer de sua trajetória, Geyse contou com o maridão para apoiá-la, mas conta que um dos momentos mais engraçados de todo esse processo foi que ela tinha vergonha de treinar na frente dele. Pressentindo a timidez da mulher, o cônjuge caía na risada quando ela trancava a porta do quarto e começava a malhar empolgada.

“No começo, eu fazia os exercícios dentro do meu quarto. Trancava o quarto e começava a malhar. Depois de me ouvir pulando e fazendo polichinelo, meu marido, que estava na sala, batia na porta e me perguntava o que estava fazendo. Eu falava que estava fazendo exercícios e ele começava a rir de mim. Ele falava que não ia dar resultados. Eu tinha vergonha de treinar na frente dele e fazia até escondido para ele não ver“. 

Hora da revanche

Quem falava que Geyse estava gordinha, hoje morde a língua e pede dicas de como ficar com o corpo em cima. O maridão que antes desconfiava de que treinar em casa não dava resultado, hoje exibe orgulhoso a conquista da mulher!

“Meu marido está amando os resultados. Antes ele falava para mim: você é bonita de qualquer jeito, mas todo homem fala isso… Mas agora ele está amando“.

“Agora que ele vê que deu resultados, fala para todos os amigos dele. Um amigo dele falou que a esposa estava fazendo exercícios, mas que não estava vendo resultados, que estava jogando dinheiro fora. Ele disse (orgulhoso): minha esposa está fazendo Exercício em Casa e já perdeu bastante peso“.

“Ontem, eu coloquei uma roupa, ele disse que eu estava mais magra e que a roupa estava mais bonita em mim. Minhas irmãs que antes me chamavam gorda, hoje falam que que estou emagrecendo demais e que está bom de parar“.

“É difícil agradar, se você está gorda, elas falam, se está emagrecendo, falam também. Minhas amigas perguntam para mim o que estou fazendo. Me perguntam o que estou tomando, digo que tomei vergonha na cara e que estou fazendo exercícios“.  

“Antes eu era mais triste, tinha vergonha de sair e das roupas que eu colocava. Não gostava muito de olhar no espelho. Agora estou mais alegre, confiante e bonita. Gosto de me olhar no espelho, tanto que coloquei um espelho aqui na minha sala e fico me olhando toda hora. A autoestima está lá em cima e estou me amando“.

Um recado para você!

E o que essa maranhense alto-astral diria para você que está precisando entrar em forma?

“Por que deixar pra depois se você pode começar agora? Nunca é tarde para correr atrás dos seus objetivos! Pode ser difícil, mas também é muito prazeroso! Um dia você vai olhar pra trás e vai dizer eu consegui e se orgulhar de si mesma“!

Se você quiser conhecer o programa de exercícios em casa que a Geyse seguiu para emagrecer  clique aqui e conheça o Cardiomix

 

Anticoncepcional Engorda? Depoimento de Geyse Gomes

4 Comentários

  • ANDREIAMFREITAS
    Resposta

    Adorei o depoimento. Parabéns! Também tinha vergonha do marido me vendo malhar kkkk, agora não ligo mais.

  • Angela Maria Codognotto
    Resposta

    Eu estava bem, apos 2 filhos e marido ter feito cirurgia, estava faceira porque não precisava me preocupar com gravidez, mas nesse ano descobri um mioma no útero bem pequeno e para não aumentar minha medica me receitou anticoncepcional. Engordei em muito pouco tempo 4 quilos. Estou numa briga com esses quilos, agora estou fazendo o cardiomix. Vamos ver no que vai dar, o mais difícil é alimentação mesmo com 3 homens em casa que comem tudo o que veem pela frente fica difícil.

  • Amanda
    Resposta

    Muito bom eu amei ler, minha história, ainda não sou casada moro com minha mãe e irmã e elas são as que mais me põe pra baixo, não tomo anticoncepcional nada sobre isso pois não tenho relação sexual, tenho 22 e estou. No peso de 90kg e acredito que posso fazer este exercício em breve estarei assim como a Geyse eu irei pra cima.

Você pode usar HTML tags e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>